Mitos sobre os programas de fidelidade

Muita gente torce o nariz quando ouve falar em programas de fidelidade. Isso porque, a grande maioria, não é feito da maneira correta. Algumas empresas oferecem aos clientes apenas um programa para soma de pontos, que posteriormente são trocados por brindes desinteressantes, e acreditam que dessa forma alcançarão grandes resultados.

A estratégia de acúmulo de pontos é apenas uma das ferramentas de um bom programa de fidelidade e, sozinha, não é capaz de trazer os retornos esperados pela empresa. Para tanto, o programa de fidelidade deve desenvolver estratégias que envolvam a experiência de compra de cada cliente, a oferta de serviços exclusivos e a comunicação personalizada.

Além desse mito, conheça outros pontos podem estar prejudicando suas estratégias de fidelização de clientes:

Mito 2: programas de fidelidade funcionam sozinhos

Infelizmente não é bem assim. O programa de fidelidade deve fazer parte das estratégias de marketing, com investimentos constantes, profissionais treinados, desenvolvimento de ofertas exclusivas, comunicação personalizada e acompanhamento constante, buscando identificar os pontos fortes e aqueles que ainda precisam ser melhorados.

Mito 3: o programa deve contar com um cartão de pontos

Ninguém mais quer andar com a carteira lotada, por isso, a ideia de automatizar o programa de fidelidade só aumenta suas chances de sucesso. Usando o MyFid, por exemplo, é possível transformar o famoso cartão fidelidade em aplicativo, oferecendo aos clientes uma solução interativa e na palma da mão.

Mito 4: satisfeito é igual a fidelidade

Ao contrário do que a maioria das empresas pensam, um cliente satisfeito não é necessariamente um cliente fiel. Clientes fiéis são promotores da marca e não trocam de opção de acordo com as ofertas ou os benefícios dos concorrentes, enquanto os clientes satisfeitos procuram sempre a opção de compra, em cada ocasião.

Quer fazer parte de um programa de fidelidade completo?

Cadastre-se já no MyFid e dê boas-vindas a novas oportunidades!

 

Autor
Carol Ferreira
Administradora apaixonada por redes sociais
Deixe seu comentário